Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

terça-feira, 16 de junho de 2015

Abrantes - VÍTOR CINTRA

Teu castro Junius Brutus ocupou,
No tempo em que os romanos se instalaram
Em terras lusitanas, e ficou,
Até que os visigodos o expulsaram.

Mas vindo os muçulmanos à conquista
Das terras dos cristãos, numa batalha
Alcançaram a vitória e, nessa crista,
Ergueram, p'ra defesa, uma muralha.

Mais tarde, Afonso Henriques, rei cristão,
Expulsa os ocupantes do islão,
Tomando, por fronteira, o rio Tejo.

Doada a posição a Gualdim Pais
Foi este, como consta dos anais,
Quem torna fortaleza o castelejo.

EM - NA SENDA DOS TEMPLÁRIOS - VÍTOR CINTRA - LUA DE MARFIM

Sem comentários:

Enviar um comentário