Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

sábado, 18 de junho de 2011

Poema - JOSÉ ALBERTO OLIVEIRA

Foi um acaso, uma obstinação? Encontrei-o
na rua, na praia? Os lábios do sol apenas
entreabertos. A areia quente, à volta do corpo.

Num bar, à tarde, bebemos cerveja.
Lagartos ao sol, maliciosos,
lambiam as pedras.
Língua rastejante, olhos súbitos. Esse
rapaz desprevenido, amei-o?

EM - TENTATIVA E ERRO - JOSÉ ALBERTO OLIVEIRA - ASSÍRIO & ALVIM

Sem comentários:

Enviar um comentário