Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

domingo, 29 de julho de 2018

As novas margens do Sião - SARA TIMÓTEO

Sobre as margens deste rio
Refugiam-se os corações
Cuja esperança ainda não pereceu.

Correm sobre os estios desavindos
Da alegria as lamentações mudas
Das gentes encanecidas, aqueles

Ásperos exilados do mundo

Cujo torpor feito de raiva
Regressa para ocultar
O dia sob um manto
Sem estrelas.

EM - TOCA A ESCREVER - ANTOLOGIA - IN-FINITA

1 comentário:

  1. Penso ser um poema dedicado aos judeus-"...os corações cuja esperança ainda não pereceu." Tem um assunto referenciado a este povo...
    Gostei muito.

    ResponderEliminar