Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

domingo, 31 de janeiro de 2016

A espaços - JOÃO CARLOS ESTEVES

a imprecisão de um horizonte pressentido
domina os sentidos
embriagados de silêncio e de imagens sem cor

aqui, o ar não se banha na luz
e a terra
esqueceu o fascínio das giestas em flor

a espaços
sinto nas pedras gastas
as agruras calcorreadas por deuses e mendigos,
unidos na condenação de existirem

a beleza da desolação
só transparece nas vozes dos anjos
e na aceitação dos dogmas da fé

EM - AUSÊNCIA DE MARGENS - JOÃO CARLOS ESTEVES - EDITA-ME

Sem comentários:

Enviar um comentário