Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

terça-feira, 23 de janeiro de 2018

Fábricas - MANUEL MACHADO

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO PELA EDITORA
Saibam sobre o autor neste link
Saibam sobre o livro neste link
Conheçam a editora neste link

Eu sou uma fábrica.
Todo o ser humano o é.
Nela existem trezentas e sessenta e seis secções.
Trabalham árdua e diariamente
Apenas a uma lhe é exigida
Produção em cada quatro anos,
Em determinado mês do ano,
O de descanso
Pois tem vinte e oito produções.
É a vinte e nove especial.
Várias maquinetas interligadas
Ajudam à produção de, e só, uma máquina.
Do alto do seu pedestal
O poderoso criador
Ordena aos úteros fecundadores
Gestação de iguais instalações.
Por vezes maquinetas deficientes
Produzem estruturas deformadas
Ou insuficientes de uma ou mais funções.
Ostracizadas por uns
Recuperadas ou melhoradas por outros.
Todo o ser humano é uma fábrica.

EM - O QUE A MINHA CANETA ESCREVEU - MANUEL MACHADO - EDIÇÕES VIEIRA DA SILVA

Sem comentários:

Enviar um comentário