Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Madrugadas - VIRGÍNIA DO CARMO

Eis que se ateiam
Sarças
Nas vésperas
Do meu sangue

E da ressurreição
Dos rios
Soprados
Ao fogo
Voam lâminas
Paridas
De dias
Bastardos

... Eis que me cegam,
As madrugadas

EM - SOU, E SINTO - VIRGÍNIA DO CARMO - TEMAS ORIGINAIS

Sem comentários:

Enviar um comentário