Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

terça-feira, 18 de março de 2014

Pele contra pele - CARLOS TEIXEIRA PINTO

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO PELA EDITORA

Quem és senhora, porque me queimas?
Insinuas tuas formas e teimas
em desfilar rentes toques ligeiros
tão casuais como os meus motivos
peles fundidas entre teus livros
por culpa de olhos desordeiros...

Afasta de mim a carne e a essência
para que eu me escuse à demência
de te livrar desses parcos tecidos
se te tomasse de uma vez num beijo
incendiário da pele e do desejo
fundíamos os corpos e os sentidos

Se descerem beijos da fome da boca
pelo pescoço da vibrante voz rouca
pelo peito já antes desfeito e refeito
se os lábios desenharem corpos sedentos
mãos exploradoras e aromas violentos
juntando o defeito a um momento perfeito

Pele contra pele, ritmados nossos corpos
explode a vida perante olhos mortos
pele embebida em desejo e paixão
mas inesgotável é a vontade de ti
não me abandona desde que vivi
os antecedentes da explosão

EM - AUDÁCIA DOS SENTIDOS - ANTOLOGIA - UNIVERSUS

1 comentário:

  1. Com uma carga negativista. Parece um texto para um filme de terror.
    Peço desculpa. grata

    ResponderEliminar