Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

sábado, 26 de janeiro de 2013

IV - EGÉRIA


O Beijo que te queria dar
Poderia ser só um,
Ficaria feliz, pois passaria a ser só meu.
Desejo-te tanto que acaricio a minha mente ao pensar em ti,
O meu corpo deixa de ser meu, e passa a ser teu,
Consigo sentir que te toco em demasia,
É excêntrico o meu tocar.
O teu corpo é um esconderijo,
Com várias portas d'oiro que ao abrirem emanam
Perfumes e silêncios idílicos,
Que me deixam em êxtase profundo...
Ai como te adoro!

EM - A ESPIRAL DO AMOR - EGÉRIA - TEMAS ORIGINAIS

1 comentário:

  1. Um Poema em espiral de amor obsessivo.
    Não deixa de ser interessante!
    Grata.

    ResponderEliminar