Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

sábado, 28 de abril de 2012

Braga - VÍTOR CINTRA


Habitar Brácara Augusta,
No império dos Romanos,
Era nobre, e bem ilustra
Teu valor, de há dois mil anos.

De tão velha a tua Sé,
Como um símbolo, cidade,
Ganhou fama, quer p'la fé
Quer também pela idade.

Capital dos arcebispos,
Sempre grande na Ibéria,
Na riqueza e na miséria;

Dos granitos e dos xistos
És rainha e um tesouro
Para cá do rio Douro.

EM - MEMÓRIA DAS CIDADES - VÍTOR CINTRA - TEMAS ORIGINAIS

2 comentários:

  1. Memória das Cidades, um livro excelente!
    Mais uma excelente escolha para este blog :)

    Beijo

    ResponderEliminar
  2. Ler sobre Braga cria em mim uma dicotomia de sentimentos : os da minha juventude como estudante e como aprendiz de ensinar- boas recordações. Fico por aqui. Hoje adio uma ida,a não ser por necessidade: reconheço o seu valor histórico,tão bem letrado neste poema , mas sempre me ocorre a falta de um grande rio. O que seria então?Grandiosa,ao norte do Douro!

    ResponderEliminar