Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

sábado, 5 de fevereiro de 2011

Desilusão... - ANTÓNIO BOAVIDA PINHEIRO

Não... não me queixo da vida,
Pudera eu voltar atrás,
Para à mesma dar guarida
De forma mais eficaz.

certas coisas, à partida
Que importância já não dás.
Coisas e causas perdidas,
Foram feitas, já não faz...

É qu'em certas circunstâncias
Certas coisas de importância,
Da importância que já tive...

Vem depois desilusão...
Com razão ou sem razão,
Por ter sido tão "naíve"...

Em - CEM POEMAS... DIVERSOS - ANTÓNIO BOAVIDA PINHEIRO - TEMAS ORIGINAIS

Sem comentários:

Enviar um comentário