Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Meu país - MATILDE ROSA ARAÚJO


Meu país turístico de doce clima tão frio
De negras neves a caiar os montes
E os prados cansados
Tenho uma capa de degredo larvas de água triste
Nos cabelos húmidos
E pés descalços pelos sapatos do desengano
Meu país de água com o mar à beira
Meteste-me no fogo do ventre um coração parado
Pelas águas geladas de poluídos rios e gastos mares
E sou (fui) a emigrada presente que nem parte nem partiu
Não partirá
Arbusto mal plantado no suicídio do vento
Cobrindo o rosto com as folhas das mãos

in... Cem poemas portugueses no feminino - ANTOLOGIA - Terramar

3 comentários:

  1. Na sintonia da emoção um beijo de coração prá coração...M@ria

    ResponderEliminar
  2. Eternamente, com o mar por perto...

    Bjs dos Alpes

    ResponderEliminar
  3. Ela deixou um grande património para os que gostam de literatura.

    ResponderEliminar