Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

domingo, 23 de maio de 2010

Dos castanheiros a folhagem árida* - GASTÃO CRUZ


Dos castanheiros a folhagem árida
já desce no ar morto que se move
dentro da palidez do céu de outono
sobre as aves imóveis

Movem-se as folhas só na tarde escassa
de clareiras do sol movem-se as aves
extintas do outono
dentro dele e do sol

que mais que as aves mortas sob as árvores
se move
e movem-se aves

mais do que as folhas que do alto caem
mas sem sol grande as aves não se movem
nem já não caem com a calma as aves

in... Outro nome/Escassez/As aves - GASTÃO CRUZ - Assírio & Alvim

Site da editora aqui

* Os poemas deste livro não são titulados. Usei o 1º verso como titulo por questões logísticas.

Sem comentários:

Enviar um comentário