Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

sexta-feira, 7 de maio de 2010

Ao crepúsculo - JAIME CORTESÃO


Vejo-te, doce mulher,
Toda em penumbra envolvida,
Como figura esbatida
Duma tela de Carrière.

O teu lábio não profere
Um ai, um sopro de vida:
De calada e recolhida,
Quase nem sorris sequer.

Só esse olhar infinito,
Posto em mim sempre de fito,
Na grande sombra reluz;

Assim a estrela da tarde,
Lágrima quieta, não arde,
Mas enche o espaço de luz.

in... Poesia - JAIME CORTESÃO - INCM

Site da editora aqui

Sem comentários:

Enviar um comentário