Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

segunda-feira, 1 de março de 2010

7* - GONÇALO LOBO PINHEIRO



Não serei o mesmo ingénuo.
Inferir em ti, seria,
Agora, infrutífero.
Capturar a tua alma
Não está nos meus desígnios.
Ah! Como desejarias
Que vestisse o meu hábito
E atendesse às tuas preces.
Não! Chega de lamento.
Desta vez não irei ao casino.
Não será a roleta a desenhar o meu destino.
Não serás a dama do meu jogo.
Não te pedirei para dançar.

in... Não existes (ou o breve manual prático de como esquecer um amor antigo) - GONÇALO LOBO PINHEIRO - Temas Originais

Blogue do autor aqui
Site da editora aqui

* Os poemas deste livro são numerados em vez de titulados.

1 comentário:

  1. Gostei deste Poema.É verdadeiro e revela a realidade afectiva. Emite emoções constantes.Permanecerá nos tempos vindouros, creio.
    Beatriz.



    Refere-se ao 7* gonçalo lobo

    ResponderEliminar