Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Sente... - MARIA JOSÉ LACERDA

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO PELA EDITORA

Sente...
como as minhas mãos te percorrem com prazer
e te fazem entumecer...
Sente...
como a minha boca molhada te ama.
Sente...
como o meu sexo húmido se entrega no teu beijar
e te pede para o penetrar.
Sente...
como me mexo e remexo em ti
numa paixão insaciável, interminável.
Sente...
a lava do centro do meu vulcão na tua mão.
Sente...
a partilha de todo o prazer presente.
Sente...
como bate o coração
no desvario dos sexos unidos
quando fazemos amor com os sentidos.
Sente...
o orgasmo iminente a chegar
e o descontrolo total
dos corpos no amar.
Sente...
como se faz sexo quando o amor está presente.

EM - AUDÁCIA DOS SENTIDOS - ANTOLOGIA - UNIVERSUS

1 comentário:

  1. Nada se passa que eu não saiba.....................................
    Uma descrição bem intencionada, por certo..............

    ResponderEliminar