Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quarta-feira, 5 de março de 2014

Nas pedras e nas sílabas - ANTÓNIO RAMOS ROSA

Nas pedras e nas sílabas
se esconde um escorpião
que nunca é abolido
na sua minúscula sombra

Se a palavra precede os lábios
e prova que o mundo existe
alguém sem dizer diz
que essa verdade é incerta

Mas quando a língua é incapaz
de formar uma só palavra
é necessário o ritual de um relâmpago
para não morrer completamente

Para além das fanfarras dos risos
amo esse quintal de espinhos
onde deixei tombar sobre os excrementos
a minha coroa de frágeis sílabas

EM - NUMA FOLHA,LEVE E LIVRE - ANTÓNIO RAMOS ROSA - LUA DE MARFIM

Sem comentários:

Enviar um comentário