Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Rasgos sem rima - CRISTINA FERNANDES

chegas num gesto abraçado
trazes nas Mãos o pó aceso das estrelas
e o brilho do negrume precipitado
dum outro Mar...
 
a luz eleva-se no culminar do entardecer
tocas as Margens na abrangência dos teus braços,
demoves o Manto bordado a pérolas negras
onde um dia me perdi
 
a luz regressa na transparência da noite,
como uma confissão silenciada...
 
EM - POETAR CONTEMPORÂNEO VOL.I - ANTOLOGIA - EDIÇÕES VIEIRA DA SILVA

1 comentário:

  1. Rasgos sem rimar...
    Acto espontâneo, constante.
    Se pouso a cabeça a pensar
    Poeta serei, num instante.


    agradeço o poema.

    ResponderEliminar