Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

O sexo do texto - EDUARDA CHIOTE


Espero-te
esmagada de fúria.
Se vieres, com a descarnada
volúpia de um tigre, acenderás de novo
o meu desejo.
Uma brasa! uma brasa!
me queimará o pêlo. Não o desviarei.
Redondo é o calor e o sexo
deste texto. A ele me acolho,
desprotegida.
A nudez é rugido. Minhas... as garras: o verde
brilho enrijecendo no que faz explodir
o olhar do gato
aninhado em teu peito.

in... Não me morras - EDUARDA CHIOTE - &etc

Site da editora aqui

Sem comentários:

Enviar um comentário