Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

sexta-feira, 2 de abril de 2010

Azul que em azul te desdobras* - VICTOR OLIVEIRA MATEUS


Azul que em azul te desdobras.
Cerco de baías. Moldura de espuma.
De penhascos afagados pelo vento.
É na linha do fogo que te desenho,
Ó insubmissa de vagas e fulgores!
É em ti que me renovo, Cítera,

a dos amores. E por ti diariamente
renasço, ilha que em ilhas
te desdobras, onde me apoio
e urdo a teia que sempre refaço,
com o Cabo de Maleia ao fundo;
lâmina apontada ao meu peito

lasso. Aqui me fico, envolto em
algas e sargaço. Azul que em azul
te desdobras das chaminés das casas
ao dúctil reflexo do horizonte;
percurso onde sempre me busco
e busco do ser sua nítida fonte.

in... A irresistível voz de Ionatos - VICTOR OLIVEIRA MATEUS - Labirinto

Site da editora aqui

* Os poemas deste livro são numerados. Usei o primeiro verso como titulo por questões logisticas 

2 comentários:

  1. Páscoa...
    É ser capaz de mudar, 
    É partilhar a vida na esperança, 
    É lutar para vencer toda sorte de sofrimento.
    É ajudar mais gente a ser gente, 
    É viver em constante libertação, 
    É crer na vida que vence a morte.
    É dizer sim ao amor e à vida, 
    É investir na fraternidade, 
    É lutar por um mundo melhor, 
    É vivenciar a solidariedade.
    É renascimento, é recomeço, 
    É uma nova chance para melhorarmos 
    as coisas que não gostamos em nós, 
    Para sermos mais felizes por conhecermos 
    a nós mesmos mais um pouquinho. 
    É vermos que hoje...
    somos melhores do que fomos ontem.
    Feliz Páscoa!
    Um abraço

    ResponderEliminar
  2. É fascinante este livro do Victor Oliveira Mateus. Recomendo a quem gosta de boa poesia.
    Beijos e uma Páscoa com Amor.

    ResponderEliminar