Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

sábado, 9 de junho de 2018

Lagarta - JOÃO SEVIVAS

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR ADRIANA MAYRINCK

Borboletas volteiam a dez mil metros
Uma revista aberta a um corpo fechado
A boca destapa o lençol que cobre
Levantar um tempo onde não caiba a indiferença
E voar nos limites
Ouve-se o motor a tricotar os marcos do apetite
Seda que o bicho tece
O que de nós sai para criar o horizonte
No casulo se senta a lagarta
Regurgita a prece
O novo corpo será mais breve
Pesados são os sonhos.

EM - VOZES IMPRESSAS - ANTOLOGIA - EDIÇÕES VIEIRA DA SILVA

1 comentário:

  1. Tudo , descrito, lhe parece simples, quando comparado com os sonhos.
    Os sonhos atormentam-no,por certo.
    Apreciei.

    ResponderEliminar