Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

domingo, 20 de outubro de 2013

O apodrecimento suave - INÊS LOURENÇO

Já escrevi num poema o fascínio
dos limos que transluzem
numa água de aparência imóvel.

Má literatura apenas, pois nenhum
apodrecimento é suave. Todo ele
é decadência e mau cheiro e o pôr
do sol é kitsch obrigatório de namorados pífios,
antigos calendários de parede e caducos
postais de veraneio.

EM - COISAS QUE NUNCA - INÊS LOURENÇO - &ETC

Sem comentários:

Enviar um comentário