Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quarta-feira, 24 de abril de 2019

As borboletas - ALBERTO CUDDEL

LIVRO GENTILMENTE CEDIDO POR IN-FINITA
Saibam do autor neste link
Conheçam a In-Finita neste link

As borboletas
Essas que se passeiam
Pelo teu estômago
(Amor? Ansiedade?)
Saltitam por entre flores
Rosas e amarelas, violetas
Mas perdem-se no dourado
Dos teus cabelos
Que esvoaçam ao vento
Batem asas, frágeis, belas
Povoando jardins
E beijos dados ao pôr-do-sol...
São as borboletas, amor?

EM - COMO FAZER AMOR - ALBERTO CUDDEL - IN-FINITA

Os bolsos da jaqueta verde - VALESKA BRINKMANN

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR IN-FINITA
Saibam mais do projecto conexões neste link
Conheçam a IN-FINITA neste link

pedra lisa do mar do norte
elástico de cabelo
chaves
telefone celular
três folhas secas de sálvia
batom vermelho
batom cor da pele
papel dobrado escrito comprar ovos e pão
quatro moedas de dez centavos
uma moeda de cinquenta centavos
grampos
um toco de lápis HB
fósforos de um restaurante
bilhete de entrada de cinema (amassado)
cartão de visita de alguém (amassado)
tarracha de um brinco
papel de bala de hortelã
minhas mãos gélidas

EM - CONEXÕES ATLÂNTICAS III - ANTOLOGIA - IN-FINITA

Incerteza - HORÁCIO ALMEIDA

LIVRO GENTILMENTE CEDIDO PELA IN-FINITA
Saibam mais do autor neste link
Conheçam a In-Finita neste link

Viver nesta incerteza
Em angustia e tristeza
Pobre Nação Portuguesa
De forma torpe e insana
Lapidada e empobrecida
Classe média deprimida
Uma alta classe enfeudada
De responsabilização alheada
Vivendo bem salvaguardada
Torpe política portuguesa
Hipoteca toda a geração
No autismo é degradação
Políticos tiram proveito
Da ignomínia e intriga
Na notícia, crime a jeito
Difunde a vil mentira
Lei inócua favorece burlões
Faliram empresas, sem capital
Sem que lhes faltem milhões
Para os cidadãos a lei é fatal
Forma hábil na classe encimada
Reforma principesca acautelada
Lei insana previamente aprovada
Imoral iníqua o povo é quem paga.

EM - TEMPO E SAUDADE - HORÁCIO ALMEIDA - IN-FINITA

Sou - SANDRA RODRIGUES

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR IN-FINITA
Saibam mais do projecto conexões neste link
Conheçam a IN-FINITA neste link

Escrevo sonhos
Quem sou
Jamais saberei
Sou tantas
Quanto os meus sonhos intermináveis
Menina sonhadora
A que fala com a lua em silentes madrugadas
em busca das palavras
A mulher decidida muitas vezes perdida
Sou o outro em seus pensamentos
Vagos indecifráveis
Sou meu eu em tantos momentos por aí afora
Sou o que eu quiser
Abusada desencanada, pretensiosa sim
Posso quero.
Sou quem eu quiser ser
E daí?

EM - CONEXÕES ATLÂNTICAS III - ANTOLOGIA - IN-FINITA

Viver ao relento - FRANCISCO SILVA


LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO PELA EDITORA

Vivo na rua sem opção.
Tenho a lua como companheira
Duas pedras da calçada como travesseira
E os cartões da loja como colchão.

Estendo a mão a pedinchar.
Sou humilhado e escorraçado
Raramente sou acarinhado
Até um reles cigarro custa cravar!

Para os passantes sou invisível.
Sou um ser vil e desprezível.
Não existo nem ali estou,
Só eu sei como tudo começou

Maldito patrão que me despediu;
Maldita esposa que me enxotou;
Maldito pó alvo que me consumi;
Maldita sorte que me abandonou...

EM - III CONCURSO LITERÁRIO - ANTOLOGIA - EDIÇÕES VIEIRA DA SILVA

terça-feira, 23 de abril de 2019

Um dia...* - GRAÇA PIRES

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO PELA AUTORA

Um dia nos pátios das casas
hão-de acender-se fogueiras
para atrair a chuva
como uma crendice de tempos remotos.
Seremos, passo a passo,
errantes de longínquas viagens
ou peregrinos perseguidos em tempos de oração.

EM - UMA VARA DE MEDIR O SOL - GRAÇA PIRES - COISAS DE LER

Intemperismo - TOM KBÉLO

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR IN-FINITA
Saibam mais do projecto conexões neste link
Conheçam a IN-FINITA neste link

Dia quente festa
dia frio sossego
noite nevoeiro pelego
noite linda seresta.

Nas estações dúbias
anticorpos alucinados
opacos brilhos iluminados
dores escarlate rúbias

despertar enfático
tempo sublime
lógica de lunático

pensamento imune
viver dramático
ampulheta que pune.

EM - CONEXÕES ATLÂNTICAS III - ANTOLOGIA - IN-FINITA

Nada controlo - JOÃO BARNABE

LIVRO GENTILMENTE CEDIDO POR IN-FINITA
Saibam do autor neste link
Conheçam a In-Finita neste link

Não sei o que estou escrevendo aqui
Nem saberia outrora se estaria ali
Vou ao vento descontrolo
Vou só dizendo vibrações sem significado
Sem intenções para aqueles que não estão sintonizados

É o mesmo que dizer que nada controlo
E é simplesmente uma vista diferente da outra
Abertura da mente ao sol que vira lua
Achando esta inteligência a mais curta simplicidade
Mas intrepidamente ignorando que sendo falso somos alguém

Não faço mínima ideia
Do que me lembro ao escrever
Mas se ao dizer que não
Eles me castigam em vão

Sim vocês que me atacam
Ou melhor, que, todavia, não, mas que eu preciso
Uma sociedade desmedida
Que pensa que tem na vida
Esse controlo da sina

Nem o escândalo que é mais horrível
Ou então banal
Eu farei por ti
Por ti mundo anormal.

EM - A VERDADE DE UMA MENTE DORMENTE - JOÃO BARNABE - IN-FINITA

Essência - SANDRA RODRIGUES

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR IN-FINITA
Saibam mais do projecto conexões neste link
Conheçam a IN-FINITA neste link

Levarei comigo
Esse momento
Lembranças
Do verde, das flores
Do sol a me aquecer a vida
Minhas viagens astrais
Em minhas madrugadas
Que nunca deveriam passar.
Jamais saia de mim
A liberdade em sonhar
Talvez viver entre a realidade e os devaneios.
Envolta em boas energias
A trocar palavras
Com a mãe natureza
Entre borboletas e as flores.
Sou meus momentos
De reflexão.
Vivo minhas descobertas
Mas não irei tão cedo
Como me dizia uma pessoa
“Tanto a se fazer em tão pouco tempo”
Porém, se eu for antes
Que não me tirem essa bagagem
Para que não morra em mim
A minha essência.

EM - CONEXÕES ATLÂNTICAS III - ANTOLOGIA - IN-FINITA

Falta de mim... - SÃO SILVEIRINHA

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO PELA AUTORA
Saibam mais da autora neste link

Às vezes
sinto falta de mim...

Procuro-me
por entre os minutos,
que caminham com passo apressado.

Eles entreolham-se curiosos.

Às vezes
sinto saudades de mim.

E choro-me...

Se o reencontro acontece, sussurro:

"Entra, mas não digas nada...
quero deliciar-me com o silêncio
que te serve de guarida!"

EM - OUTRAS LIBERDADES - SÃO SILVEIRINHA - EDIÇÃO DE AUTOR

segunda-feira, 22 de abril de 2019

Nazaré - MARIA DA ESPERANÇA LOUREIRO

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO PELA EDITORA
Saibam da autora e do livro neste link
Conheçam a editora neste link

Nazaré, tu és tão bela
Com o teu mar a brilhar
Ele parece uma estrela
Numa noite de luar.

Das tuas ruas estreitas
O mar se vê lá ao fundo
E das tuas portas espreitas
O lindo cenário do mundo.

De todas as tuas ruas
Tu chegas à marginal
Não há ruas como as tuas
Não há mais em Portugal.

EM - OUTROS TONS DA MEMÓRIA - MARIA DA ESPERANÇA LOUREIRO - EDIÇÕES VIEIRA DA SILVA

Marcas de um amor... THIAGO GUIMARÃES

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR IN-FINITA
Saibam mais do projecto conexões neste link
Conheçam a IN-FINITA neste link

Ela disse que o amava
Naquela fria madrugada
Em que se beijavam na calçada em frente à praia
Ele disse que a esperava naquela noite em que a lua
se negava a aparecer
E foi um querer tão profundo
Um desejo tão excitante e que amor delirante
que eles viveram
Mas um dia
Se perderam e se esqueceram
De tudo que viveram
E não mais amo você
E não mais I love you...

EM - CONEXÕES ATLÂNTICAS III - ANTOLOGIA - IN-FINITA

Paralelos - ADOLFO LEITÃO CARVALHO

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO PELA EDITORA
Saibam mais do autor e do livro neste link
Conheçam a editora neste link

Os paralelos que se soltam
no caminho que opto por andar
são só paralelos
pousados,
que escolheram
saltar.

E por isso os admiro.

EM - ENQUANTO AS MÃOS AINDA TREMEM - ADOLFO LEITÃO CARVALHO - EDIÇÕES VIEIRA DA SILVA

Sol - RUI SANTOS

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR IN-FINITA
Saibam mais do projecto conexões neste link
Conheçam a IN-FINITA neste link

Apareces,
A busca termina.
Os longos dias de escuridão e frio chegam ao fim.
O sol ilumina e aquece, um calor reconfortante
e delicioso.
Um abraço sedoso dos teus raios elevam-me
e extasiam-me.
Que boa é a tua presença, os teus carinhos.
Não me deixes, envolve-me eternamente em teus braços quentes e macios.
Faz-me levitar num ar quente e harmonioso.
Faz-me feliz!

EM - CONEXÕES ATLÂNTICAS III - ANTOLOGIA - IN-FINITA

Deixei aquela menina - CRISTINA MOITA

LIVRO GENTILMENTE CEDIDO POR IN-FINITA
Saibam da autora neste link
Conheçam a In-Finita neste link

Deixei aquela menina
Numa praia a olhar o mar,
Hoje já não é pequenina
É ainda esperança aquele olhar.

Guarda do céu as estrelas
Contadas uma por uma,
De todas traz imagens belas
Como a lua voando em pluma

Criança livre e muito solta,
Com o coração em crescente,
Como uma pomba que não volta
Voando no meu peito quente.

EM - ESTRELAS DE AFETO - CRISTINA MOITA - IN-FINITA

domingo, 21 de abril de 2019

Acredito! - VÍTOR COSTEIRA

LIVRO GENTILMENTE CEDIDO POR IN-FINITA
Saibam mais do autor neste link
Conheçam a In-Finita neste link


Um dia,
mais tarde,
mas não demasiado,
acredito encontrar-te
à esquina de um tempo
sem idade
com um forte odor
a alecrim e a liberdade,
a ti, meu amor,
meu campo na cidade,
minha alegria
ferida de saudade,
a ti que neste momento eu receberia
num suave e forte abraço,
misto de Amor e Amizade
no mais audível grito!

Eu ACREDITO!!!


EM - POEMAS DE MEL E LIMÃO - VÍTOR COSTEIRA - IN-FINITA

Descansando no remanso - THIAGO GUIMARÃES

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR IN-FINITA
Saibam mais do projecto conexões neste link
Conheçam a IN-FINITA neste link

Descansando no remanso
Dos seus braços e no carinho dos seus abraços
Me ninando me acariciando
Perdido em ti me encontro
E então me desmancho por inteiro
No descanso do seu amor
Verdadeiro
Assim vivo
Assim ando
Descansando.

EM - CONEXÕES ATLÂNTICAS III - ANTOLOGIA - IN-FINITA

Pensamento - ANABELA SANTOS

LIVRO GENTILMENTE CEDIDO POR IN-FINITA
Saibam da autora neste link
Conheçam a In-Finita neste link

Pensei.
Não,
Conversei comigo
O tempo voa
Que tola, mas continuei
Até que olhei e vi uma borboleta
Olhava para mim, pensei porquê
Logo resposta encontrei
O dia estava lindo, o sol batia na janela
Nem me dava conta
Observei melhor a borboleta sorria
Tola eu
Disse obrigada
Borboleta que sorri é como coração triste
Que dá gargalhada, ninguém vê
Ninguém sente, só mesmo a gente.

EM - DEIXEI O CORAÇÃO FALAR - ANABELA SANTOS - IN-FINITA

EU sou porque tu és - RUI SANTOS

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR IN-FINITA
Saibam mais do projecto conexões neste link
Conheçam a IN-FINITA neste link

Eu sou,
A flor que desabrocha na Primavera,
o rio que corre para o mar.
O pássaro que voa livre,
o vento que sopra sem cessar.
Porque tu és,
o calor num dia de Inverno,
a luz na noite escura.
A corrente que me guia para a foz,
a monção que me limpa a alma.
Eu sou porque tu és.

EM - CONEXÕES ATLÂNTICAS III - ANTOLOGIA - IN-FINITA

E que são as palavras - ANA P DE MADUREIRA

LIVRO GENTILMENTE CEDIDO POR IN-FINITA
Saibam da autora neste link
Conheçam a In-Finita neste link

e que são as palavras
senão anjos que me tomam
depuram as grinaldas
e descalçam a floresta
que trago nos pés

alquimia das auroras
em jáculo
no branquear do sol ardente
que chama o mar
e em sílabas
o espuma
temporal

e no longo do cabelo a libido
caminha os olhos aguando-os
para lá do alto das vagas

EM - NOS DEDOS AS PALAVRAS - ANA P DE MADUREIRA - IN-FINITA