Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

segunda-feira, 4 de junho de 2012

Basta-me - HELENA ISABEL


Hoje basta-me um pouco de mar
Um pouco do céu,
Um pouco de ti a olhar,
Olhar-me sem véu.
Basta-me um pouco de nada
Sem dimensões, sem prudências
Conteúdo das nossas ausências.
Hoje basta-me um pouco de sossego
Basta-me ler o teu silêncio
Escrito em metáforas.
Imagens reflectidas na natureza.
Paisagens de beleza.
Hoje basta-me um pouco de ti
Reflectido no céu!

EM - ENTRE O SONO E O SONHO VOL. III - ANTOLOGIA POESIA CONTEMPORÂNEA - CHIADO EDITORA



2 comentários:

  1. Agradeço o ter este poema no meu blog. Transmite-me uma sensação de beleza, calma e recordação. Bem-haja.

    ResponderEliminar
  2. Ah... que surpresa agradável ao ver outro poema meu aqui no teu blogue.

    No meio de tantos poemas bonitos, escolheste este... um muito obrigada!

    abraço

    Helena Isabel

    ResponderEliminar