Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Guerra Junqueiro - CLÁUDIO AMÍLCAR CARNEIRO

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR CHIADO EDITORA
Saibam sobre o autor neste link
Saibam sobre o livro neste link
Conheçam a editora neste link

Ó poeta genial e panfletário,
Foste monárquico e republicano,
Profanaste o altar, foste profano,
Apedrejaste Cristo no Calvário.

Manchaste a pedra de ara no Sacrário,
Na Cruz cuspiste... Para maior dano
Andaste com calvinos, mano-a-mano,
Da mesma propaganda solidário.

Da política já desiludido,
Voltaste à crença antiga de Jesus
No término da vida, arrependido,

Em poemas de oração ao pão, à luz...
Para o justificar, fazer sentido,
Ouviu-te em confissão o padre Cruz.

EM - O DESPERTAR DA ALMA PORTUGUESA IN SONETOS - CLÁUDIO AMÍLCAR CARNEIRO - CHIADO EDITORA

Sem comentários:

Enviar um comentário