Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quarta-feira, 30 de maio de 2012

À maneira de Benamor Lhopes - ALEXANDRE O'NEILL


A vida não é de abrolhos.
É de abr'olhos.

A vida não é de escolhos.
É de escolhas.

Por que me olhas e m'olhas?
Por que me forras a alma
com o relento de um sentimento?

Serei eu a tua escolha?

Abre os olhos e olha,
que eu já me escolhi em ti!

EM - POESIAS COMPLETAS - ALEXANDRE O'NEILL - ASSÍRIO & ALVIM

1 comentário:

  1. È um poema com uma filosofia do amor muito à maneira de Alex. O´Neill. coloca-nos num quadro impressionista, muito suis generis. Toca-nos este jogo de palavras, algo entranha em nós. Agradeço tal presente.

    ResponderEliminar