Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

sexta-feira, 16 de março de 2012

Nuvens - LUÍS FERREIRA

Na calma, deslizam nuvens encantadas
Que preenchem o meu pensamento,
Vagueando sem fronteiras...
Tomando o espaço vazio, num cheio...
Germinando deslumbrantes sentimentos.
Suave é o deslizar,
Absorvendo o meu olhar sedento de palavras
Nos versos que cultivo na seara dos sonhos
Doce algodão, onde me deito
Com a minha alma soltando-se ao vento
Até onde a imaginação me levar.
Na calma, deslizam nuvens encantadas
Nasce a dúvida que sempre tenho...
Que transportam elas nas suas asas?
Segredos deslumbrantes do infinito, talvez!
Com elas viajo...
Viajo na imensidão,
Nessa estrada além do firmamento...
Deixando fluir as emoções que nascem em mim.

EM - ROSAS & ESPINHOS - LUÍS FERREIRA - TEMAS ORIGINAIS

Sem comentários:

Enviar um comentário