Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

segunda-feira, 18 de junho de 2018

a morte próxima do coração inquieto - ALVARO GIESTA

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO PELO AUTOR
Saibam do autor neste link

o lamento da alba acorda este horto
de incêndios e de loucura, no mistério da luz
que me fustiga os olhos, numa alegria maligna
de querer e não conseguir possuir.

a manhã cai-me no coração desolado,
no instante em que a toutinegra canta
a tristeza do rosto
que me queima a vida, como a morte
próxima do coração inquieto.

ouve-me...
se logo a noite chegar cheia de luzes
ilegíveis e sem leitura possível, rejeito-a:
- rejeito viver nela
porque eu preciso da noite coberta de solidão
e de dor, como um véu negro
para poder estilhaçar aquilo que penso
e quero gritar.

EM - O PRANTO DOS LOUCOS LÚCIDOS - ALVARO GIESTA - TEMAS ORIGINAIS

2 comentários:

  1. Está inconsolado com a forma como vive. Quer uma noite de solidão, a manhã não lhe agrada,..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sempre grato pelas visitas comentadas...

      Eliminar