Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quarta-feira, 23 de maio de 2018

Palavra - JOÃO MARQUES

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR IN-FINITA
Saibam mais do projecto conexões neste link

Conheçam a IN-FINITA neste link


Poeta é palavra
igual ao sol
que volta e morre
e ausente, permanece
dentro das pedras
dos frutos que irrompem
nas manhãs plantadas
da casa nunca esquecida
dentro de outra casa
porque germina
qual a semente
e se torna signo, flor

poeta é escrito
infinitamente palavra
luz de estrela feita
misteriosa e presente
misteriosamente a alma
que sofre também por si
e morre pela palavra.


EM - CONEXÕES ATLÂNTICAS - ANTOLOGIA - IN-FINITA

1 comentário:

  1. Enaltece o valor do poeta como sendo a arauto da palavra. Tem o seu período áureo, pode passar de moda por uns tempos.... Pertencerá à humanidade e será lido em períodos temporais,segundo a sua importância. Entra sempre na sensibilidade das pessoas. A educação e
    aculturação induzem ao seu conhecimento. Gostei

    ResponderEliminar