Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

sexta-feira, 17 de março de 2017

Rebenta a manhã como um punhal - ALVARO GIESTA

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR EDIÇÕES VIEIRA DA SILVA
Saibam sobre o autor neste link
Saibam sobre o livro neste link
Conheçam a editora neste link

Rebenta a manhã como um punhal
de gritos
na caserna

O arame farpado
que serve de paredes frágeis a este quartel
improvisado
foi cortado durante a noite

Há marcas evidentes do inimigo
e da sua passagem traiçoeira
por aqui

Estremece o sangue nas veias
a raiva corta os pulsos
e o medo apodera-se de todos nós

Não há heróis,

existe apenas
a cruz de guerra entregue ao pai
ou ao filho que o pai não conheceu
e a memória sentida
escrita no mármore da sepultura

EM - HÁ O SILÊNCIO EM VOLTA - ALVARO GIESTA - EDIÇÕES VIEIRA DA SILVA

Sem comentários:

Enviar um comentário