Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

sábado, 11 de fevereiro de 2017

Azul celeste - CELSO CORDEIRO

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR CHIADO EDITORA
Saibam mais do autor neste link
Saibam mais do livro neste link
Conheçam a editora neste link

Em belo azul de céu celeste
se funde o horizonte com o mar,
e desse imenso azul se reveste
a serena doçura de um olhar.

Tão doce o olhar que exorta
ao que é celeste na dimensão,
e como que docemente corta
com o que é ainda apreensão.

Se é de azul celeste o céu
e nesse azul se perde o mar,
não pode ser negro de breu

o que se esconde nesse olhar,
só o passado poderá ser réu
pelo brilho celeste usurpar.

EM - ENSAIOS E SENTIRES POÉTICOS - CELSO CORDEIRO - CHIADO EDITORA

Sem comentários:

Enviar um comentário