Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Verdade e mentira - XAVIER FARIA LOPES

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR CHIADO EDITORA
Saibam mais do autor neste link
Saibam mais do livro neste link
Conheçam a editora neste link

A verdade é fingida, é mentira.
A mentira torna-se real com verdade
E posta de parte a liberdade,
A mentira recusa a completa maldade da verdade.

As pessoas são assim,
Levadas a acreditar na verdade.
Essa verdade que é nauseabunda e ludibriada,
Uma verdade que não é mais do que uma mentira disfarçada,
Sem escrúpulo e tão cruel
Como um frasco envenenado de mel.

Se se mostra verdade,
Recebe-se a atenção do inverso.
Disperso e virado ao contrário,
Pouco mais se ganha do que um julgamento arbitrário
Não disposto a acreditar,
Na mentira que se acabou de contar.

Conclua-se então que,
À parte da liberdade,
A mentira é a verdade.
Tão pequena troca na conclusão
Que teima não despertar qualquer ira.
Será então a verdade
A mentira dita com tamanha crueldade?
Não.

A verdade é a verdade.

EM - ESTAÇÃO TERMINAL - XAVIER FARIA LOPES - CHIADO EDITORA

Sem comentários:

Enviar um comentário