Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Murcham os cravos - ISABEL BRANCO

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO POR EDIÇÕES VIEIRA DA SILVA
Saibam mais da autora neste link
Saibam mais do livro neste link
Conheçam a editora neste link

Murcham os cravos de Abril
nas brancas cãs do desalento
perguntando ao tempo que passa
novas dos tristes filhos deste País.
Murcham os cravos da eternidade
nas vozes caladas da sua gente
de olhos, sem viço, agora vermelhos
de tanto chorar de saudade.
Murcham os cravos devagar
na descrença de mão em mão,
no chão frio da calçada
jazem desfolhados da ilusão.
Murcham os cravos da desgraça
mas o povo ainda canta
a esperança desmedida,
rosa tardia da sua canção.

EM - PÁSSAROS SEM NINHO - ISABEL BRANCO - EDIÇÕES VIEIRA DA SILVA

Sem comentários:

Enviar um comentário