Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Estou sozinho - PINHO NENO

LIVRO GENTILMENTE OFERECIDO PELA EDIÇÕES VIEIRA DA SILVA
Saibam mais do autor aqui
Saibam mais do livro aqui
Conheçam a editora aqui

O senso se perdeu da dignidade:
Os farsantes, quais vermes nauseabundos,
Chafurdam fundo em pântanos imundos,
Ostentando servil mediocridade.

O Poder se tornou venalidade...
Por torvas galerias de inframundos
Rastejam répteis, gibos e corcundos:
É corrupto o governo da cidade...

Homens de espinha erecta, onde é que estais?
Dizei-me das estradas que trilhais,
Da rota, do destino, do caminho...

É de morte o silêncio à minha volta:
Todo o vazio que sinto é de revolta...
Não responde ninguém... Estou sozinho.

EM - CHÃO PORTUGUÊS - PINHO NENO - EDIÇÕES VIEIRA DA SILVA

Sem comentários:

Enviar um comentário