Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

sábado, 30 de agosto de 2014

Anda um barulho surdo... - MÁRIO SAA

Anda um barulho surdo pelo mundo,
Numa toada, em molengosa fala,
Mergulha no silêncio mais profundo
E ondula musical, e abala... abala!...

Por hi* além o infinito é certo
E numa aragem de milhões de sóis,
Meu pobre globo, cativeiro aberto,
O que és agora e que serás depois!?

Apenas julgo a tua voz cantando
Como um colar contínuo de conversa
Etérea e vaga, e subtil, dispersa,

Um mundo a outro mundo murmurando,
Alma num astro a gorgulhar imersa
A ânsia numa gota evolucionando!

EM - POESIA E ALGUMA PROSA - MÁRIO SAA - INCM 

Sem comentários:

Enviar um comentário