Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Poema rasgado - TERESA TEIXEIRA

Eu queria cantar o amar...
(solta-se um vento que estremece as ondas,
namora-me o mar)

Queria cantar a força...
(solta-se um tempo que estreita as fissuras,
fascina-me a forca)

Queria cantar a paz...
(rasgo-me em verso, de lírios vestida,
sou branco fugaz)

Quero cantar a esperança...
(prende-me a rima que busca sem rumo...
... as ranhuras ásperas da cobrança...)

EM - DA SERENA IDADE DAS COISAS - TERESA TEIXEIRA - TEMAS ORIGINAIS

Sem comentários:

Enviar um comentário