Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Tão perto e tão longe - SÃO REIS


Tão perto de mim
Tão longe de mim
Tão perto do meu coração
Tão perto do meu sentir
Tão longe da minha vista
Tão longe do meu sorrir

Tão perto e tão longe de mim...

Tão perto dos meus olhos
e no entanto tão longe do que vejo
Tão perto da minha boca
Mas tão longe dos meus lábios

Tão perto e tão longe de mim...

Tão perto dos meus passos
tão longe do meu silêncio
Tão perto da tua ausência
tão longe do meu corpo
Tão cheia da tua saudade
Tão vazia de ti
Tão perto e tão longe de mim
Tu estás
tu és
tu ficas e permaneces
Tão longe que até te esqueces
que eu fiquei aqui
deste lado
do lado de cá do muro
Esperando apenas por ti

Tão longe e tão perto de mim...

EM - 1ª ANTOLOGIA UNIVERSUS - VÁRIOS - UNIVERSUS

1 comentário:

  1. " Nada mais fácil do que se iludir,pois todo o Homem acredita que aquilo que deseja seja também verdadeiro". ( Demóstenes- IV a.C. ). Foi o melhor que consegui para comentar tão denso poema.
    Agradeço.

    ResponderEliminar