Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Nosso amor - NATÁLIA CANAIS NUNO


No mais íntimo e resguardado
quando me abandono às tuas carícias
Fica meu corpo abrasado
Tuas mâos, fazem delícias.

Posso entrever enternecida
Teus olhos pousados nos meus
De olhar os teus fico esquecida
Até de agradecer a Deus!

Nosso amor é como um livro interrompido
Que se fecha com uma ponta de loucura
Na esperança de se ser surpreendido
Ao retornar a leitura.

EM - PESA-ME A ALMA - NATÁLIA CANAIS NUNO - LUA DE MARFIM

1 comentário:

  1. Para falar de amor, é preciso senti-lo, é ter uma luz no olhar a brilhar, e uma chama no peito a atear enquanto arder... o amor está vivo.

    Obrigada Manu, por trazer este meu poema singelo e meu «Pasa-me a Alma» para o TOCA A ESCREVER, que visito com prazer sempre que tenho oportunidade.
    Abraço e tudo bom para o amigo.

    ResponderEliminar