Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Nada mais - EMANUEL LOMELINO & VERA SOUSA SILVA

Busco a paz nos teus olhos
e repouso no teu beijo
carente de ternura.
Num abraço há um poema
perfeito
respirado nos corpos.
Vivemos poesia
e nada mais sobra
para além do amor.

Quero a serenidade dos lábios
onde me vejo deitado
vazio de ânsias.
Num beijo há um verbo
intemporal
conjugando vontades.
Somos poesia
e nada mais existe
para além de nós.

IN - LICENÇA POÉTICA - EMANUEL LOMELINO - LUA DE MARFIM

1 comentário:

  1. Tenho tanto orgulho em ti, orgulho no convite para fazer o dueto contigo, orgulho nas tuas ideias e no teu crescimento... Mesmo sendo suspeita, adoro este poema!

    Beijoca

    ResponderEliminar