Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

terça-feira, 13 de março de 2012

43 - ÁLVARO DE CAMPOS

Duas horas e meia da madrugada. Acordo e adormeço.
Houve em mim um momento de vida diferente entre sono e sono.

Se ninguém condecora o sol por dar luz,
Para que condecoram quem é herói?

Durmo com a mesma razão com que acordo
E é no intervalo que existo.

Nesse momento em que acordei, dei por todo o mundo -
Uma grande noite incluindo tudo
Só para fora

EM - POESIA - ÁLVARO DE CAMPOS - ASSÍRIO & ALVIM

Sem comentários:

Enviar um comentário