Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Os rouxinóis do chão - MANUEL ANTÓNIO PINA

Rouxinóis guerreiros guardam
o chão de Ninomaru
seu canto unânime acorda
sob o tropel dos turistas

Às portas dos quartos não
se sobressaltam os guardas
nem as sentinelas chamam
do alto dos torreões

Onde os Tokugawa dormem
não chegam os inimigos
Das paredes pendem as
espadas embainhadas

EM - POESIA REUNIDA - MANUEL ANTÓNIO PINA - ASSÍRIO & ALVIM

Sem comentários:

Enviar um comentário