Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Árvore seca - CARLOS TEIXEIRA LUIS


Sou uma árvore seca.
Seca de poeira e sol.
Ardente de pedra.
Sou uma árvore seca
Jazendo no caminho dos
caminhantes.

Onde a minha sombra arde.
Aqueço-me
Com o respirar dos cactos
Castanhos,
Com o olho atroz
Do lagarto fugitivo.

Cobra do sonho de gelo,
Vinde à toca curvilínea
Alimentai-vos por meses.
Debaixo da árvore seca.
Seco é o sol
Dos passos de quem aqui morre.

in... Histórias do deserto - CARLOS TEIXEIRA LUIS - Atelier

Sem comentários:

Enviar um comentário