Este blogue pretende ser uma montra de poemas e poetas de língua portuguesa.
NESTE MOMENTO O TOCA A ESCREVER É PATROCINADO POR ALGUMAS EDITORAS E AUTORES QUE OFERECEM LIVROS DE POESIA.

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Se alguém me pudesse amar - JOSÉ JORGE LETRIA


Se alguém me pudesse amar
tanto como eu gostava de ser amado,
se alguém me pudesse amar
e eu consentisse em ser amado,
talvez com a intensidade animal e ferina
das entregas incondicionais,
talvez o mundo se vestisse de azul
e pusesse uma camélia na lapela,
como o Cesário quando ainda tinha saúde,
talvez as cidades não fossem tão hostis
e os medos não fossem tão devastadores,
talvez as noites tivessem o perfume
das paixões primordiais e únicas
e os dias não acabassem sempre
com o som de sirenes e insultos.
Se alguém me pudesse amar
tanto como eu gostava de ser amado,
talvez este livro não chegasse a existir
e eu fechasse dentro de uma lágrima,
ampola de orvalho e sal,
só para a transformar em gota de riso
deslizando pelo rosto da alegria junto a mim.

in... Não há poetas felizes - JOSÉ JORGE LETRIA - Indícios de oiro

Sem comentários:

Enviar um comentário